terça-feira, 5 de março de 2013

Generacion Y

dudabrama.com

O título dessa postagem é o nome do blog de Yoani Sanchez. Essa dissidente cubana adquiriu fama internacional com seu blog onde posta questionamentos contantes sobre o regime de Fidel/Raul Castro. Yoani obteve autorização para sair de Cuba e está fazendo um giro internacional por vários países. Ela esteve recentemente no Brasil onde chamou a atenção da mídia e, como esperado, ressuscitou debates acalorados entre defensores e detratores do regime cubano. Bem articulada, deu várias entrevistas onde falou dos mais diversos assuntos relacionados a Cuba.

Uma das suas atribuições principais é se defender das inúmeras acusações que a ela são impetradas. Essas acusações variam de espiã dos Estados Unidos a simplesmente mentirosa e interesseira. Ela sempre se mostrou preparada e respondeu a contento essas acusações nas poucas vezes que a vi falando. Isso não surpreende ao considerarmos que ela é jornalista.

O que me chamou a atenção e achei interessante trazer para cá foi a argumentação que ela usou para responder à acusação que ela comprava seguidores. Isso aconteceu durante uma entrevista a um jornalista da TV Senado que eu por acaso assisti. Como uma formação nas ciências sociais e uma acusação de caráter eminentemente ideológico, o mais razoável seria esperar por uma resposta nesse mesmo nível. Ela poderia mostrar que sua formação foi assim e assado, que suas atividades sempre se embasaram nesse ou naquele ponto de vista, etc... Ela podia simplesmente clamar pela sua idoneidade. Mas ela não fez nada disso!

A argumentação que ela usou para se defender dessa acusação foi totalmente centrada em análise de dados. Ela argumentou que o padrão de aumento no número de seguidores quando eles são comprados é diferente do padrão do aumento no número de seguidores quando isso não acontece. E que o padrão de aumento do blog dele era incompatível com o padrão de seguidores comprados.

Não estou dizendo que concordo com a argumentação dela. Imagino que deva ser possível emular qualquer padrão de aumento do número de seguidores ao dosar adequadamente quando esses contratados se tornariam seguidores. Mas achei interessante essa defesa baseada de forma tão enfática em dados.

Independente das opiniões dela sobre o regime cubano, Yoani ganhou minha admiração por defender um ponto de vista amparada pelo uso de dados.  


Um comentário:

  1. Pedro J fernandez7 de março de 2013 20:09

    O argumento em geral é possivelmente valido. Porem no caso dela faltam os dados e a analise dos mesmos.
    Por otro lado e facil arranjar seguidores. Veja o divertido:

    http://www.youtube.com/watch?v=tIwH7ptHCWc

    ResponderExcluir